terça-feira, 23 de março de 2010

Garotas de programa montam "Wikipédia da prostituição"


Garotas de programa montam "Wikipédia da prostituição"
da Folha Online

O formato que tornou famosa a maior enciclopédia on-line do mundo chegou ao mercado do sexo. Internautas brasileiros montaram uma Wikipédia exclusiva para anúncios de prostituição, a WikiGP (sigla para garotas de programa).

Reprodução

Site com verbetes sobre garotas de programa segue a linha da enciclopédia virtual Wikipédia

"O objetivo é permitir uma visão rápida e clara sobre como e onde atende uma determinada acompanhante", explica, sem se identificar, um dos responsáveis pelo site na página inicial (www.wikigp.com/).

São comuns na web endereços que utilizam o formato wiki --aberto a modificações de qualquer usuário-- para tratar de assuntos específicos, como a Conservapedia, a Desciclopédia, Egopedia.

Na WikiGP, é possível avaliar perfis de centenas de garotas divididos por preço, localização e avaliação dos clientes. As próprias acompanhantes podem incluir e modificar seu verbete no site.

As páginas têm espaço para foto, descrição, telefone, horário de atendimento e tipo de programa --há até um espaço chamado "histórico", com uma breve narrativa sobre carreira da garota. O site também abriga indicações de boates e outros sites sobre prostituição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário